domingo, 27 de julho de 2014

Em יהוה Iehouah: Desperta Brasil. Se alerta Mundo. A Alemanha não é um covil de terroristas e pró-terroristas sem que ninguém se oponha a isto. Eles bem sabem do íntimo envolvimento das lideranças palestinas com os comandantes nazistas. Sim: Libertem Gaza do Fundamentalismo Islâmico e do Hamas.

http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2014/07/140726_alemaes_israel_palestinos_dmg_cc.shtml
Os dois lados do conflito em Gaza se encontraram em Kurfürstendamm, região arborizada do lado oeste de Berlim, na última sexta-feira. Cerca de 1.200 manifestantes pró-Palestina protestaram diante de lojas, assistidos por senhoras elegantes sentadas nos cafés da região. A maioria dos ativistas era da grande comunidade muçulmana alemã: algumas mulheres usavam véus e um dos líderes da manifestação recitava palavras do Alcorão em um megafone. Muitos deles levavam cartazes condenando as ações de Israel, pedindo "liberdade para Gaza". Ao mesmo tempo, as frases entoadas no protesto de 700 manifestantes pró-Israel soavam muito semelhantes: "Libertem Gaza do Hamas", eles gritavam. Este grupo era formado por alguns membros mais velhos da comunidade judaica alemã, mas os mais participativos eram estudantes ativistas de esquerda - a maioria não judeus, mas envolvidos na luta contra o que dizem ser antissemitismo.