quinta-feira, 23 de outubro de 2014

יהוה Iehouah seja tua consciência Israel para prezar a existência do Grande Israel régio e soberano sem humilhar e escarnecer teu povo em mãos de covardes pró-terroristas sejam Onu, Kerry ou sádicos ora assassinos, ora coitados segundo atuação de cada interesse.



http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2014/10/israel-promete-tolerancia-zero-apos-ato-considerado-terrorista-4627093.html

MenuCapa ZH
Zero HoraNotícias
EntrarAssine
Notícias
Entretenimento
Esportes
Porto Alegre
Vida e Estilo
Mais ZH
Assinantes


Publicidade




Oriente Médio
Israel promete tolerância zero após ato considerado terrorista
Forças de segurança reforçaram a presença nas ruas de Jerusalém
23/10/2014 | 11h09


A polícia israelense afirmou nesta quinta-feira que aplicará "tolerância zero" ante qualquer tipo de violência em Jerusalém, capital do país, no dia seguinte a suposto terrorista palestinoter matado um bebê em atropelamento.

As forças de segurança reforçaram a presença nas ruas de Jerusalém nesta quinta-feira, depois de uma noite de incidentes, sobretudo ataques com pedras na parte oriental da capital israelense, onde morava o homem responsável pelo atropelamento, chamado de "terrorista" pelas autoridades.

O jovem palestino que matou o bebê e feriu seis pessoas na quarta-feira em Jerusalém morreu nesta quinta-feira, segundo o hospital. Um policial baleou o jovem, identificado como Abed Abdelrahman Shaludeh, quando ele tentava fugir a pé depois de ter avançado com o veículo contra várias pessoas que estavam em um ponto de ônibus.

Leia as últimas notícias de mundoLeia as últimas notícias de Zero Hora

"A polícia de Jerusalém destaca que aplicará a tolerância zero ante qualquer tipo de incidente violento e que vai prender qualquer um que perturbar a ordem pública da cidade", afirma um comunicado oficial.

— A nível operacional, de acordo com o que foi decidido após o atentado, as forças de segurança foram reforçadas, principalmente a guarda de fronteira, as unidades de patrulhas especiais (Yasam)e as especializadas em distúrbios da ordem pública — disse o porta-voz policial, Micky Rosenfeld. — Várias detenções aconteceram durante a noite — completou.

O ataque com o veículo e a operação policial posterior exacerbaram a tensão no bairro de Shaludeh, na cidade de Silwan, na ocupada e anexada Jerusalém Oriental, que recentemente foi cenário de distúrbios em consequência da instalação de colonos israelenses em casas de palestinos.

Além dos 360 mil colonos israelenses que moram na Cisjordânia, outros 200 mil moram nas áreas de colonização de da parte oriental da capital de Israel, onde também vivem 290 mil palestinos. A comunidade internacional considera ilegais todas as colônias nestes territórios palestinos ocupados desde 1967.

Atualmente, os palestinos de Jerusalém Oriental têm apenas um estatuto de residentes. Não têm nenhuma nacionalidade, nem israelense nem palestina.

Segundo o porta-voz do primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu, Ofir Gendelman, o ataque foi cometido por um "terrorista palestino que era membro do Hamas", grupo islamita que governa a Faixa de Gaza e contra o qual Israel realizou uma ofensiva em julho e agosto, que terminou com 2,2 mil palestinos mortos. No lado israelense, foram 73 mortos, principalmente soldados.

Quatro integrantes da família do jovem, que dirigia o carro do pai, foram detidos quando tentaram visitá-lo no hospital, segundo um parente, que pediu anonimato.

O governo dos Estados Unidos condenou o ataque, considerado "abjeto", e pediu calma a todas as partes para evitar uma escalada da tensão.

A tensão em Jerusalém Oriental aumentou nos últimos meses após o sequestro e assassinato de três jovens israelenses e de um jovem palestino pouco depois, crimes que terminaram por provocar a guerra na Faixa de Gaza. Alguns bairros registram confrontos diários entre policiais e palestinos.

Durante o conflito em Gaza, Jerusalém teve no dia 4 de agosto o primeiro atentado fatal em mais de três anos, quando um palestino avançou com uma escavadeira contra um ônibus e matou um judeu ortodoxo. Os policiais mataram o jovem, mas a família rejeitou a versão policial de atentado "terrorista".

*AFP

Estudo sobre colesterol

Estudo precisa de voluntários. Mais informações aqui.www.clinlife.br.com/Colesterol
Concurso Polícia Federal

Videoaulas para Agente da PF. 12x R$58,33. Comece sua Preparação!aprovaconcursos.com.br/PF-2014
Baixar Programa Espião

Programa Espião Para PC Instalação Grátis 100% indetectávelsyncsoft.com.br/Programa-Espiao
Venda Plano de Saúde RJ

Melhores Preços e Cotação Online. Unimed, Amil, Sul América e outros.agecorsaude.com.br/PlanosSaude
Anúncios Google

VEJA TAMBÉM

Israel e palestinos acertam nova trégua de 72h na Faixa de Gaza


Ataques israelenses são intensificados na Faixa de Gaza


Israel ataca Faixa de Gaza após disparos de foguetes palestinos




Compartilhar:

TWITTER

FACEBOOK

GOOGLE+

EMAIL
CORRIGIR


Publicidade


O MELHOR DA ZH

Antes das eleiçõesSartori e Tarso se enfrentam nesta quinta em último debate na TV antes das eleições

Santa MariaEstudante morre após passar mal em parque de diversões em Santa Maria

Suspeita no PronafPF investiga suicídios após suposta fraude em financiamentos rurais

Wianey CarletPara derrotar o Figueirense, Grêmio precisou de pênalti inexistente

Sob suspeitaTesoureiro do PT decide deixar conselho da Usina de Itaipu
Veja todos os destaques da ZH ›





Zoom.com.brNotebook Core i7a partir de R$ 1.452,64


Ricardo EletroNovo Moto Xa partir de 6 x R$ 249,83


ColomboNovo Moto Ga partir de R$ 719,00


SaraivaUltrabook Asus i5a partir de R$ 1.687,84

Zero HoraNo jornal Zero Hora você encontra as últimas notícias sobre esportes, economia, política, moda, cultura, colunistas e mais.
ASSINE A ZH


Grupo RBS
Anuncie
Trabalhe no Grupo RBS
© 2000-2014 clicRBS.com.br
Todos os direitos reservados
Finep
IVC Site Auditado