sexta-feira, 24 de outubro de 2014

MATAM, TORTURAM, ROUBAM... SÃO PRESOS COMO TERRORISTAS AO INVÉS DE SEREM ANULADOS DE IMEDIATO. SÃO ALIMENTADOS E FORTALECIDOS NA PRISÃO, SAEM E FAZEM AS MESMAS ATROCIDADES OU CONTRIBUEM PARA AS MESMAS. UM KERRY LUTA PRA LEGALIZAR SEUS CRIMES, A CÂMARA DOS INGLESES E TOLOS SUECOS OS AJUDAM... E VOCÊ ISRAEL QUER O QUÊ? ENTREGAR SEU BEM-ESTAR NA MÃO AMALDIÇOADA DESSA GENTE? DESPERTA ISRAELENSE , ISRAELITA, JUDEU, HEBREU... SEJA EM IEHOUAH COM O SIONISMO EM AÇÕES LOCAIS E MUNDIAIS ENQUANTO VOCÊS AINDA ESTÃO VIVOS COM SUAS DELICADAS MULHERES E MIMOSAS FILHAS, COM SUAS MÃES E AVÓS






quinta-feira, Outubro 23, 2014


TERRORISTA RESPONSÁVEL PELO ATENTADO DE ONTEM EM JERUSALÉM QUE MATOU BÉBÉ DE 3 MESES É CONSIDERADO "HERÓI MÁRTIR"

Abdelrahman Shaludeh, o terrorista palestiniano responsável pelo atentado de ontem à tarde em Jerusalém que deixou 8 pessoas feridas e um bébé de 3 meses morto, quando atirou o carro que conduzia contra uma estação de metro, foi agora considerado "herói" e "mártir"por um assessor do presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmoud Abbas.
O terrorista responsável pelo atentado de ontem, prontamente abatido pela polícia israelita, era um cadastrado, um dos ex-prisioneiros soltos por Israel em Dezembro de 2013, após cumprir uma pena de 16 meses por actos terroristas anteriores.
O criminoso morreu já no hospital, tendo sido alvejado pela polícia quando fugia do lugar do atentado.
Netanyahu já acusou Abbas e a Autoridade Palestiniana, afirmando que esta actual onda de violência é o resultado directo do constante fluir de incitamentos anti-Israel e anti-semíticos vindos da parte da AP e do próprio Abbas.
A família do criminoso palestiniano tentou alegar que se tinha tratado de um "acidente", mas as imagens registadas pelas câmaras no local mostram claramente que este membro do Hamas com um longo registo de actividade criminoso agiu intencionalmente.
Seis pessoas ficaram feridas no atentado e um bébé com apenas 3 meses, Chaya Zisel Braun, acabou por falecer, estando também a sua mãe em estado crítico.
O criminoso avançou com o carro em alta velocidade contra a estação de metro de superfície "Ammunition Hill", em Jerusalém, atingindo 8 das pessoas que estavam a sair das carruagens do metro.




Sem comentários: