quinta-feira, 23 de outubro de 2014

NO TEMPO QUE A SÍRIA SE TORNAR SIONISTA ELA VAI TER CONDIÇÕES DE SE LIBERTAR DE MILHARES DE ANOS DE INSTABILIDADE, GUERRAS FRATRICIDAS E DESGOVERNOS


Síria diz ter abatido dois dos três caças capturados pelo Estado Islâmico

Dados foram confirmados pelo ministro da Informação sírio, Omran Zoabi; pilotos iraquianos estariam auxiliando jihadistas

Reuters |  - Atualizada às
Reuters
A força aérea da Síria destruiu dois caças operados por militantes do Estado Islâmico no norte do país, segundo o ministro da Informação, Omran Zoabi, em comentários publicados pela agência estatal de notícias síria Sana na noite de terça-feira (21).
Foto: AP
Armas capturadas pelas forças do governo sírio no bairro de Sheikh Najjar em Aleppo%2C Síria (julho/2014)

Na sexta, um grupo de monitoramento do conflito sírio afirmou que pilotos iraquianos treinados na época do ex-presidente Saddam Hussein se uniram ao Estado Islâmico e vêm realizando voos de treinamento em três caças capturados em uma base aérea na província de Aleppo.
O Observatório Sírio para os Direitos Humanos, sediado em Londres, disse que o Estado Islâmico, que ocupou vastas porções de território na Síria e no Iraque, tem praticado com os jatos sobre o aeroporto militar de Al-Jarrah, a leste de Aleppo.
Zoabi declarou que a força aérea síria está procurando o terceiro avião de combate, mas que destruiu dois deles, a primeira vez que Damasco admite que os militantes radicais sunitas estão pilotando as aeronaves.
"Em relação aos terroristas controlando três caças na base militar de Al-Jarrah, em Aleppo, há três aeronaves antigas que os terroristas andaram testando, por isso o Exército Árabe Sírio destruiu duas delas na pista enquanto pousavam."
"Isto não nos preocupa, e (as aeronaves) não podem ser usadas", afirmou, referindo-se à capacidade militar do grupo.
A Reuters não pôde verificar o relato de que o Estado Islâmico estava utilizando caças na Síria ou sua destruição. Na sexta-feira, o Comando Central dos Estados Unidos disse não estar ciente de que a facção estivesse pilotando os aviões em território sírio.
As forças lideradas pelos EUA estão bombardeando bases dos militantes na Síria e no Iraque. O grupo vem usando frequentemente armamentos capturados dos exércitos sírio e iraquiano e ocupou várias bases militares.
No sábado, apoiadores do Estado Islâmico divulgaram um vídeo mostrando um caça voando em baixa altitude que eles dizem ser um dos aviões usados pela facção.