segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Israel Sionista, Tzipi Livne e O Estado Judeu De Israel


Governo de Israel dividido por proposta de lei para declarar Israel "Estado dos Judeus"

RTP16 Nov, 2014, 18:23 / atualizado em 16 Nov, 2014, 18:24



REUTERS

A proposta de lei do primeiro ministro israelita Benjamin Netanyahu, a prever que Israel fosse reconhecido como o “Estado de todas as pessoas judias”, foi contestada durante o conselho de ministros deste domingo.


Tzipi Livni, ministra israelita da Justiçao e líder do partido Hatnuah (centro), expressou preocupação com a possibilidade da lei poder vir a colocar a preservação do "carácter judaico de Israel" à frente dos valores da democracia.

A lei foi proposta pelo Likud, o partido de direita conservadora liderado por Netanyahu, e pelos seus aliados de direita. O primeiro-ministro de Israel tinha prometido avançar hoje "com a proposta de lei sobre a nacionalidade", dizendo já ser tempo dos tribunais "reconhecerem o facto de sermos o estado-nação do povo judeu".

Muitos ultranacionalistas acusam o poder judicial isarelita de favorecer os direitos dos palestinianos.

Durante as últimas conversações com a Autoridade Palestiniana, Netanyahu tentou igualmente que os palestinianos reconhecessem Israel como um Estado judeu. O pedido foi rejeitado e deputados da minoria árabe israelita referiram-se à lei como "racista".

Netanyahu diz que a lei irá garantir direitos iguais a todos os cidadãos de Israel e, além do apoio dos ministros do Likud, esperava a votação favorável do comité ministerial de Livni, também responsável pelo diálogo com os palestinianos.

Após a intervenção da sua ministra da Justiça, Netanyahu contornou o inesperado obstáculo afirmando que iria retirar à comissão de Livni o debate da proposta de lei passando-o para o conselho de ministros, em data a marcar.

Num outro sinal de divisões no Governo israelita, o ministro da Economia Naftali Bennet anunciou que o seu partido de direita Casa Judia iria retirar o apoio à proposta do Likud.

TAGS: Autoridade palestiniana, Benjamin Netanyahu, Hatnuah, Likud, Tzipi Livni, Israel

Tzipi Livne;
Por Iehouah que vive, por onde anda sua mente ou sua faculdade de percepção da realidade?
O Estado Judeu De Israel é a expressão mais natural e propícia ao que foi intencionado e buscado pelo desenvolvimento do moderno sionismo e que resultou na organização de israelitas e seus apoiadores culminando no atual Estado De Israel. Democracia nenhuma em momento algum teve ou tem real e prática compaixão do ser humano judeu pelo mundo em todas as eras, mesmo este se esforçando mediante todo tipo de adaptação e restrição, mesmo este negociando a alma, a liberdade e a sobrevivência. Não jogue com vidas, não seja atrevida contra si mesma, não faça mal a si mesma e ao seu povo, não tente ajudar outros povos alimentando estratégias de destruição e deterioração. Israel existe tanto pelo judeu ortodoxo religioso como não religioso pois a atitude dos modernos heróis de Israel foi aplicação da natureza mental judaica no seu pleno correlativo físico corporal. O judeu ateu, agnóstico ou de outras crenças ainda é judeu e você percebe isso. A condição geral judaica é sua matriz mundial e local e você vive isso.  
Pare de lutar contra você e seu povo, pare de levar uma vida de confusão e perturbações vãs.
Pensa que os judeus ortodoxos vão ser minoria para sempre? Está enganada. E se eles o fizessem, o mundo árabe por meio da agressão palestina, finalmente exterminaria todos vocês. A entidade palestina age como uma mistura de camaleão e escorpião, ameaça, avança, se disfarça, causa sofrimento e atribui ao externo, recebe oportunidade e misericórdia abundante para então entoar canções de vitória contra seu benfeitor, além de atacar covarde e mortalmente sempre que julga oportuno. Nunca vão querer metade de Jerusalém senão pra roubar violentamente a outra metade, nunca vão querer metade de Israel senão pra destruir todos os judeus ou escravizá-los conforme desejarem. Lute pelo Estado Judeu De Israel e assim você poderá beneficiar todos os envolvidos a longo prazo e fazer o mais correto e benéfico a curto prazo.

Local indisponível
 - Saiba mais   
judaismohebraista@gmail.com  -  Mudar de conta