sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

JAMES ALLEN. DA POBREZA AO PODER.


Cada pensamento que você forma é uma força que emite e, conforme a sua natureza e intensidade, vai procurar moradia em mentes que são receptivas em relação a esse pensamento, reagindo sobre você mesmo para o bem ou para o mal. Há uma reciprocidade infinita entre mente e mente, e uma contínua troca de forças de pensamentos.

Os pensamentos de egoísmo e de perturbação são forças malignas e destrutivas, mensageiros do mal, enviados para estimular e aumentar o mal em outras mentes, os quais voltam para quem os emitiu, reforçados e aumentados. Pelo contrário, os pensamentos calmos, puros e altruístas são mensageiros angélicos enviados ao mundo para lhe trazer saúde, cura e bênção sobre as suas asas, derramando o óleo sa alegria sobre as suas águas turvas de ansiedade e mágoa,e restituindo a corações aflitos sua herança da imortalidade.

Pense bons pensamentos, e eles se tornarão, em breve, visíveis em sua vida externa, na forma de boas condições. Domine suas forças mentais e psíquicas, e você poderá amoldar sua vida externa como quiser. A diferença entre um salvador e um pecador é esta: que o primeiro tem um perfeito domínio sobre todas as forças que tem em si; e o segundo é dominado e impedido por elas.

Não há, absolutamente, outro caminho para chegar ao verdadeiro poder e à paz duradoura senão o domínio de si próprio, o governo de si mesmo, a purificação do seu próprio ser. Se você se inclina diante da sua disposição ou indisposição, você é impotente, infeliz e, em realidade, de pouca utilidade no mundo. Ser senhor da sua mente, elevar-se acima dos seus pequenos gostos e desgostos, acima dos seus caprichosos amores e ódios, vencer os acessos de cólera, desconfiança, ciúme e todas as variáveis disposições, a que você é, mais ou menos, sujeito, eis a tarefa que tem diante de si, para realiza-la, se deseja enfeitar o tecido da sua vida com fios dourados de ventura e prosperidade. Enquanto estiver escravizado pela disposição mutável da sua mente, você terá necessidade de auxílios e apoios externos, e dependerá de outras pessoas. Se quiser andar firme e seguro pela estrada da vida e executar alguns empreendimentos, você deve elevar-se acima dessas vibrações que o perturbam e retardam - deve aprender a domina-las.

Você deve exercitar-se diariamente em tranquilizar a mente ou, como se costuma dizer, "entrar no silêncio". Este é o método para substituir um pensamento importuno e inquieto por um pensamento de paz, um pensamento de fraqueza por um de força. Enquanto você não souber fazê-lo, não pode esperar que possa dirigir as suas forças mentais sobre os problemas e as necessidades da vida com bom sucesso. Trata-se de reunir num forte canal as suas forças dispersas. Assim como um inútil pântano pode ser convertido num campo cheio de lindíssimos cereais ou num pomar rico de frutas, por meio do esgoto ou dirigindo as águas dispersas e perniciosas num canal apropriado, igualmente o homem que adquire calma, domina e dirige as correntes do pensamento no seu interior, salva a sua alma e frutifica o seu coração e a sua vida.