domingo, 5 de abril de 2015

DA POBREZA AO PODER - JAMES ALLEN - ABABENÇOADOS EM IEHOUAH SEJAM OS CRISTÃOS, JUDEUS, MAÇONS, ROSA-CRUZES, LEITORES EQUILIBRADOS DA BÍBLIA SAGRADA E ESTUDANTES HARMONIOSOS DAS CULTURAS MUNDIAIS


Conheço uma senhora que chegou a um estado de ver satisfeitos muitos dos seus desejos, à qual uma amiga observou, certa vez: "Oh, como você é feliz! Basta desejar uma coisa para obtê-la!" Com efeito, assim parecia ser à vista superficial; porém, em realidade, toda a felicidade que essa mulher mostrava era apenas a emanação direta do estado de felicidade interior, que ela tinha cultivado e aperfeiçoado durante a sua vida. Meros desejos não trazem senão desventura, como a vida nos demonstra. Os insensatos desejam e murmuram; os sábio trabalham e aguardam. E essa mulher tinha trabalhado; trabalhado no exterior e no interior, e especialmente no interior, no domínio do coração e da alma, tendo construído, com as invisíveis mãos do espírito e com as preciosas pedras da fé, esperança, alegria, devoção e amor, um belo templo de luz, cuja gloriosa irradiação a envolvia sempre nos eflúvios. Esta luz emanava dos seus olhos; irradiava da sua face; vibrava em sua voz; e todos os que estavam em sua presença sentiam o seu atrente encanto.

O que fez aquela mulher, você também pode fazer.
Você mesmo determina o seu sucesso ou insucesso; pois as principais tendências dos seus pensamentos são os fatores que determinam o seu destino. Emita pensamentos de amor, pureza e ventura, e a felicidade cairá em suas mãos e a sua mesa será coberta com o pano da paz. Se emitir pensamentos de ódio, impureza e infelicidade, maldições choverão sobre você, ao passo que o medo e a intranquilidade o esperarão, quando você se deitar.
Você é o único fabricante do seu destino, seja ele qual for.

A todo momento, você está emitindo de si próprio, as influências que constroem ou destroem a sua vida. Faça com que o seu coração seja generoso, cheio de amor e caridoso, e grandes e duradouros serão a sua influência e o seu sucesso, ainda que você tenha pouco dinheiro.

Se, porém, você limitar o seu coração com as estreitas linhas de interesse próprio, ainda que chegue a ser milionário, a sua influência e o seu sucesso, aos olhos de um observador sério, serão muito insignificantes.

Cultive, pois, esse espírito puro e altruísta, e combine-o com a pureza, a fé e singeleza de ânimo, desenvolvendo, desse modo, dentro de você mesmo, não só os elementos de saúde abundante e sucesso duradouro, como também as condições de um grande poder.

Se a sua posição atual não lhe agrada e se você não está com o seu coração no trabalho que está fazendo, você deve cumprir, não obstante, os seus deveres com escrupuloso cuidado e tranquilizar a sua mente com a ideia de que uma posição melhor e oportunidade maiores o aguardam. Observe com a mente ativa as oportunidades que aparecem, de maneira que, quando vem o momento crítico e o novo canal que se apresenta, você possa entrar nele com a sua mente bem preparada para o empreendimento e com a inteligência e previsão, que são filhas da disciplina mental.

Qualquer que seja a sua tarefa, concentre sobre ela toda a sua mente; penetre-a de toda a energia que você é capaz. O bom desempenho da tarefa pequena conduz, inevitavelmente, a tarefas maiores. Procure se elevar, subindo constantemente - e você não cairá nunca. E nisto está o segredo do verdadeiro poder. Aprenda, por uma prática incessante, a economizar as suas forças e concentra-las, em qualquer instante, sobre um ponto dado. Os insensatos gastam a sua energia mental e espiritual em frivolidades, conversações tolas ou argumentos egoístas, sem falar dos prejudiciais excessos físicos.

Se quiser adquirir um poder que vence, você deve cultivar o equilíbrio e a passividade. Você será capaz de manter-se em pé, sozinho. Toda força é associada à imobilidade. A montanha, a rocha maciça, o carvalho que resiste à tempestade, todos nos mostram uma força poderosa, que resulta da combinação de uma solitária grandeza e sua fixidez desafiadora; ao passo que a areia instável, o ramo que se verga e a cana que tremula nos falam de sua fraqueza, porque são móveis, não resistem e não tem valor, quando estão separados dos seus iguais. É um homem forte, um homem de poder, aquele que permanece calmo e inalterado, quando todos os seus companheiros se entregam a uma emoção ou paixão.

Só é apto para dar ordens e governar quem sabe ordenar a si mesmo e governar-se a si próprio. As pessoas histéricas, tímidas, de pensamentos desordenados e frívolos procurarão companhia ou cairão por falta de apoio; porém, quem é calmo, destemido, pensante e sério, deve procurar a solidão da floresta, o deserto e o cume das montanhas, pois o seu poder será  aumentado e ele terá cada vez melhor sucesso em sua marcha contra as correntes psíquicas e o abismo em que a humanidade mergulha.

Paixão não é poder; é abuso de poder, é dispersão de poder.

A paixão é como uma furiosa tempestade que bate, impetuosa e ferozmente, na rocha que lhe resiste, ao passo que o poder é como a rocha mesma, que permanece quieta e imóvel no meio de tudo isso. Uma demonstração de verdadeiro poder foi a resposta que Martinho Lutero deu aos seus tímidos amigos, quando queriam persuadi-lo de que era perigoso ele ir a Worms: "Ainda que houvesse tantos diabos en Worms, quantas telhas no telhado, hei de ir lá". E quando Benjamim Disraeli, depois do seu primeiro discurso no parlamento, foi alvo de riso e escárnio, demonstrou grande poder quando exclamou: "Dia virá em que vocês considerarão como sendo uma honra o poder ouvir-me".

Quanso um rapaz, que eu conheço, passando por contínuos problemas e desventuras, sofreu zombaria de seus amigos, que o aconselhavam a desistir de seus planos e esforços, respondeu-lhes: "Não está muito distante o tempo em que vocês se admirarão com a minha boa sorte e êxito", mostrou que possuia aquela poderosa força silenciosa e irresistível que lhe deu a possibilidade de vencer inumeráveis dificuldades e coroou a sua vida com bom sucesso.

Se você não tem essa força e esse poder, você pode adquiri-los com a prática; e o princípio so poder e também o começo da sabedoria. Você deve começar a elevar-se acima daquelas trivialidades insignificantes, das quais até agora você tem sido vítima voluntária. Rito excessivo e impetuoso, conversa inútil e infame, zombaria fútil: tudo isto há de ser abandonado, porque lhe rouba a preciosa energia. 

São Paulo manifestou claramente o seu admirável conhecimento das leis ocultas do progresso humano, quando disse aos Efésios (v.4): "Não saiam de sua boca palavras torpes, nem parvoíces, nen chocarrices, que não convém"; pois entregar-se habitualmente a tais práticas é destruir o poder e a vida espiritual. À medida que você se tornar impenetrável para essas dissipações mentais, começará a compreender o que é o verdadeiro poder, e então combaterá os mais fortes desejos e apetites que escravizam a sua alma e fecham-lhe o caminho ao poder, e o seu progresso ulterior se tornará claro para você.

As suas aspirações, sobretudo, devem ser simples; o seu alvo deve ser útil e justo, e dedique-se a ele sem reserva. Não se deixe desviar por nada;
lembre-se de que "o homem que tem dois alvos em sua mente é instável em tudo o que faz". Seja ávido em aprender, mas lento em pedir. Compreenda bem sua obra e faça com que seja sua própria; e à medque se adiantar, sempre seguindo o Guia interno, a Voz infalível, você irá de vitória em vitória, subirá, a cada passo, a alturas sempre mais elevadas, para ali descansar, e a sua vista, que se abrirá cada vez mais, lhe revelará, gradualmente, a essencial beleza e o significado da vida. Quando você estiver purificado, a saúde será sua; sendo protegido pela fé, você terá bom sucesso; governando-se, você possuirá o poder tudo o que fizer prosperará, porque, deixando de ser uma unidade separada e escravizada por si mesma, você estará em harmonia com a Grande Lei, não a contrariando em nada, mas vivendo conforme Ela, em união com a Vida Universal, com o Bem Eterno.

E a saúde que você alcançar será permanente; o sucesso que conseguir nunca desaparecerá, sendo maior que a mente humana pode conceber; a influência e o poder que tiver em mãos continuarão a crescer no decurso dos séculos, porque serão uma parte daquele Princípio imutável que sustém o Universo.

É este, pois, o segredo da saúde, um coração puro e uma mente bem dirigida; este é o segredo do êxito: uma.fé inabalável e um alvo sabiamente seguido, governando com firme vontade o corcel escuro do desejo - eis o segredo do poder.

Todas as sendas aguardam meu pé:
A clara e a escura, a que alta e a que baixa é, 
A da vida e a da morte, a estreita e a larga, 
A que dá prazeres e a que é amarga;
Eu posso entrar naquela que me escolher;
E numa o bem, noutra o mal hei ver,

E com certeza o bem encontrarei,
Seguindo fiel a senda em que entrei,
Esse caminho estreito e Alto, que duro
É mais claro, e dai do coração puro,
E, embora, através de espinhos, conduz
Seguramente ao Paraíso e Luz.

Eu sei que àquela altura hei de ascender,
Onde me aguarda a Saúde e o Poder,
Se seguir com amor e paciência 
No coração, firme e com persistência,
A vereda da divina moral
Que me levará à Vida imortal

Quero procurar e sei que acharei
O que procuro, obedecendo à Lei,
Ela, que é imutável, não se curva,
Mas eu me curvarei a ela, e a turva
Aflição que se apodera de mim,
Eu sei que desaparece por fim.

Não me arrogo o direito a todo bem,
Como o egoísta julga que o tem;
Quero procurar o que me pertence
E adquirir o saber que tudo vence.
Nada é meu, se o quero pr'a mim reter;
Mas tudo é meu para eu o conhecer.