quinta-feira, 2 de abril de 2015

Irã Nuclear.- Do Site Cafetorah


O PERIGO DE UM ACORDO NUCLEAR DO OCIDENTE COM O IRÃ - GOGUE E MAGOGUE

Diretor do Cafetorah
Ás vésperas de um possível acordo nuclear das nações ocidentais com a Repúbia Islâmica do Irã, nenhuma autoridade brasileira ou mesmode qualquer país da América Latina se perguntou quais são os perigos de um mau acordo como este ir adiante.
Sem dúvida alguma um dos principais motivos deve ser a distância, os milhares de quilômetros que separa a República Federativa do Brasil parecem ser a droga perfeita que nos torna insensíveis a que de fato está acontecendo no Mundo.
Estamos tão insensíveis e tão cúmplices com a situação quanto o govero de Vargas estava em relação a Alemanha Nazista nas vésperas da Segunda Guerra Mundial, quando a maior representação do Partido Nazista fora da Alemanha se encontrava no Brasil.
Membros importantes d Governo deGetúlio admiravam e eram adéptos ao poderia alemão, entre estes, estavam comandantes militares que apoiaram Getúlio Vargas na implantação da ditadura do Estado Novo como o general Eurico Gaspar Dutra (ministro da guerra de 1936 a 1945, e que se tornou um futuro presidente da República), o general Góis Monteiro (ministro da guerra em 1934 de Vargas) e Filinto Müller (chefe de polícia do Distrito Federal, futuro senador e líder do partido ARENA, o partido principal do governo até o final da Ditadura Militar).
A única coisa que livrou o Brasil da armadilha alemã foi a ditadura de Vargas cujas bases era o nacionalismo radical, Getúlio Vargas ordenou a todos adotarem a política de federação, que forçou os moradores de todo Brasil, independente de orígem a "amarem" o Brasil, obrigando a todos o idioma português, um sistema único de ensino e proibiu a formação de qualquer associação, organização, partido ou até mesmo empresas que pregação ideologias no país.
Este é o mesmo método que pode ser o antídoto para a civilização ocidental que está envenenada com a chamada democracia liberal, que se mostra incapaz e ineficiente ao avanço árabe-muçulmano-radical em todo Mundo. Mediante a fraqueza ocidental, os antigos impérios financiam cada vez mais grupos terroristas contra a liberdade do povos, a puralidade nacional dos países e contra a liberdade de expressão.
O sintoma que vimona França deextermínio de dezenas de jornalistas do jornal satírico é somente a ponta o iceberg do conflito entre os sunitas eo xiitas que está se espalhando pelo Oriente Médio  ameaçando o Status Quo de séculos, onde o relativ equilíbrio de forças está se desfazendo bem diante de nossos olhos, e no meio destas guerra onde dezenas de milhares morrem na Sìria, no Iraque e o Yemen, estão os terrortas financiados pela Turquia epelo Irã, cada um quer ao final desta guerra, avançar em direção um a outro.
A Arábia Saudita que estava em primiro lugar no financiamento do Terror, está perdend se lugar para a antiga Pérsia e para a Turquia, e o conflito finciado pelo Irã ameaça entrar dentro do país por sua fronteira sul. Neste últimos anos, os sauditas que se consideravam inimigos mortais do Estado de Israel, estão buscando com ele parcerias na área e segurança por causa de um inimigo comum, o Irã.
O Irã que já tinha duas bases avançadas contra o Estado de Israel, o Hamas em Gaza eo Hezbollah no Líbano, agora está buscando uma compensação por causa das baixas que está recebendo desde que a Turquia começou a pressionar a Síria eoo Iraque dnorte rumo ao Sul e a Arábia Saudita pressionando do sul e direção norte. Este é motivo real pelo qual o Irã está fazendo de tudo para fechar um acordo de Paz e Nuclear com o Ocidente, pois o armamento nuclear forçaria os outros países vizinhos a se renderem inicialmente as chantagens persas e posteriormente, renderem-se mediante as ameaças de extermínios e ultimatos.
O Imperialismo Persa Versus Imperialismo Otomano
Esta briga radica entra Gogue e Magogue e Tubal, ou seja, entre o Irã e a Turquia é o que levará o Mundo a um desiquilíbrio mortal, pois enquanto o Irã ganha tempo para fazer suas centrífugas continuarem a enriquecer urânio, a Turquia nem mesmo é investigada em suas atividades de apoio aos grupos radicais como o ISIS, e quando o Mundo abrir os olhos poderá ser tarde demais... ambos os países já terão em suas mãos armamentos nucleares, a Turquia chantegeará inicialmente a Europa afim de aderir a Comunidade Européia e o Irã aos países do Golfo para controlar o Golfo Persa, isto será somente o início de um verdadeiro inferno sobre a Terra.
Infelizmente o ocidente ainda nã cmpreendeu de que a única forma de garantir um futuro melhor para as próximas gerações é continuar a pressão das sansões contra o Irã e até pressionar ainda mais até que o República Islâmica se renda ao ocidente abandonando incondicionalmente seu programa nuclear militar, caso contrário, tudo será uma questão de tempo até que o poder nuclear estej nas mãos deles o o mesmo inferno na Coréia do Norte seja estabelecido aqui no Oriente Médio.
Ouçam os Povos!


Facebook comments