terça-feira, 19 de maio de 2015

(Faça o que quiser Reuters.) - "Você é um pouco um anjo da paz"? Que sacanagem de declaração é essa Vaticano? João Paulo Il leva a vida inteira pra lhes dar uma imagem realmente melhor e vocês deixam Francisco icendia-la em um dia? Seleção de Monstros! Estão tentando fazer o quê com milhões de excelentes católicos? Decidiram destruir de vez a esperança e equilíbrio dos povos? Iehouah não os deixará impunes!














terça-feira, 19 de maio de 2015 16:16 BRTVocê está aqui:Home > Notícias > Mundo > Artigo


HOME
NOTÍCIAS
Manchetes
Mundo
Negócios
Esportes
Cultura
Brasil
Internet
ÍNDICES

Produtos e Serviços
Support
Sobre a Thomson Reuters

Vaticano diz que papa não quis ofender Israel chamando Abbas de “anjo da paz”
terça-feira, 19 de maio de 2015 15:07 BRT

Imprimir
[-] Texto [+]





1 de 1Versão na íntegra

CIDADE DO VATICANO(Reuters) - O papa Francisco não quis ofender Israel ao se referir ao presidente palestino, Mahmoud Abbas, como “um anjo da paz”, e sim incentivar a harmonia entre os dois lados, afirmou o

Vaticano nesta terça-feira.

Francisco se encontrou com Abbas no Vaticano no sábado e usou as palavras ao presentear o líder palestino com um grande medalhão de bronze representando o anjo da paz, um de seus presentes costumeiros a presidentes em visita.

Recebendo Abbas nos apartamentos papais, o pontífice argentino, falando em italiano, disse que o medalhão é um presente apropriado porque “você é um pouco um anjo da paz”, de acordo com um repórter representando várias agências de notícias na reunião.

O porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, afirmou não ter ouvido os comentários em pessoa e que não tinha nada a acrescentar às palavras atribuídas ao papa pelo repórter.

“Está claro que não houve intenção de ofender ninguém”, disse Lombardi à Reuters.

Relatos iniciais entraram em conflito quanto ao papa ter exortado Abbas a ser um “anjo da paz” ou ter se referido a ele como tal.

Francisco se reuniu com Abbas poucos dias depois de o Vaticano formalizar em um documento seu reconhecimento do Estado Palestino, medida que irritou o governo de Israel.

(Por Gavin Jones e Isla Binnie)



© Thomson Reuters 2015 All rights reserved.

PRÓXIMO ARTIGO: Bomba explode perto de Ministério da Justiça afegão e deixa 5 mortos




MAIS NOTÍCIA
Bomba explode perto de Ministério da Justiça afegão e deixa 5 mortos
Corpos de vítimas de acidente da Germanwings podem ser mandados para casa, diz França
Confronto no leste da Ucrânia deixa 4 soldados mortos
Rússia cobra acesso a dois russos presos na Ucrânia
Mais...



Anúncios no Google
O que são?


Fique Rico com Dividendos
Saiba Já Como Selecionar Ações quePagam Bons Dividendos na Bolsa
empiricus.com.br/Bons_Dividendos

Voo Barato a partir R$27
Voos com Descontos até 70%.Encontra Voos aos Melhores Preços.
voos.low.cost.jetcost.com.br

Cuidado Muito Cuidado
Acho Melhor Não, Se bem que hummmVem Confere!
dashigamez.wix.com/home

Pneu Pirelli R$179. Corra
O Menor Preço Está no ZoomGaranta Já Pneus Novos p/ seu Carro
zoom.com.br/Pneus-Pirelli







br.reuters.com: Ajuda e Informação | Contato

Thomson Reuters Corporate: Copyright | Disclaimer | Privacidade | Carreiras


Edições Internacionais: África | Árabe | Argentina | Brasil | Canadá | China | França | Alemanha | Índia | Itália | Japão | América Latina | México | Rússia (Cyrillic) | Espanha | Reino Unido | Estados Unidos


A Thomson Reuters é a maior agência internacional de notícias e multimídia do mundo, fornecendo notícias do mundo, investimentos, negócios, tecnologia, manchetes, pequenos negócios, alertas, finanças pessoais, mercados acionários e informações de fundos mútuos disponíveis através do Reuters.com, pelo celular, de vídeos e de plataformas interativas de televisão. Os jornalistas da Thomson Reuters estão sujeitos ao Editorial Handbook, que exige apresentação justa e divulgação de interesses relevantes.