quarta-feira, 17 de junho de 2015

Dentro do Governo Sionista De Israel, o mais ortodoxo - direitista de sua história, isso é possível:



Museu de arte árabe é inaugurado em Israel para promover a paz
Primeira exposição recebeu o nome de Hiwar, 'diálogo' na língua árabe. Museu fica em Sakhnin, cidade onde vivem israelenses judeus e árabes.
17/06/2015 15h55 - Atualizado em 17/06/2015 15h55
France Presse
Da France Presse
O primeiro museu de arte contemporânea árabe de Israel foi inaugurado nesta quarta-feira (17) em Sakhnin (norte), com o objetivo de promover a paz e o diálogo, indicaram seus fundadores.
Os fundadores do museu, um projeto conjunto com a prefeitura da cidade árabe de Sakhnin, dizem que querem promover "a paz e o diálogo" na região.
O museu está em uma antiga casa árabe, rodeado por um pomar, em Sakhnin, uma cidade da Galileia, uma região de Israel onde vivem israelenses judeus e árabes.
A exposição Hiwar ("diálogo", em árabe), com a qual o museu foi inaugurado, apresenta esculturas, pinturas e vídeos de artistas locais e estrangeiros.
"A cidade de Sakhnin, no coração da Galileia, é ideal para este museu", disse à AFP o diretor, Belu-Simion Fainaru.
"O objetivo deste museu é permitir que o mundo conheça melhor nossos artistas - há muitos aqui - e assim ajude a desenvolver a vida cultural e econômica na região através da arte", disse o prefeito, Mazen Ghanayem.
SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Mundo
versão clássica
Globo © 2001-2014
princípios editoriais