quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Pena de morte e cessação de todos oa direitos tem que ser aplicado a terroristas e seus apoiadores por respeito ao dom da vida e aos vivos




Israel cerca povoado da Cisjordânia após ataque em Jerusalém
Na quarta, jovens de Qabatiya atacaram guardas fronteiriços israelenses. Uma guarda de 19 anos morreu baleada na cabeça.
04/02/2016 06h21 - Atualizado em 04/02/2016 06h23
France Presse
Da France Presse
O exército israelense cercou nesta quinta-feira (4) um povoado do norte da Cisjordânia de onde eram provenientes os três palestinos que na véspera mataram em Jerusalém uma guarda fronteiriça, indicaram as autoridades locais.
Os três jovens da localidade de Qabatiya, ao sul de Yenín, atacaram na quarta-feira (3) guardas fronteiriços com armas de fogo e facas junto à porta de Damasco, um dos acessos à cidade velha de Jerusalém.
No ataque, uma guarda fronteiriça israelense de 19 anos morreu baleada na cabeça e outra ficou ferida. Os três criminosos, de vinte anos, foram abatidos.
Após o ataque, o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, reuniu os responsáveis máximos dos serviços de segurança, que ordenaram cercar Qabatiya e realizar uma série de detenções na localidade, indicou um responsável político que pediu o anonimato.
Este ataque é o último de uma longa série que desde 1 de outubro matou 164 palestinos, 26 israelenses, um americano e um eritreu, segundo um balanço da AFP.
A maioria destes palestinos morreram ao atacar ou tentar realizar os ataques.
Três palestinos morreram ao atacar guardas de fronteira israelenses (Foto: Ahmad Guarabli/AFP)Três palestinos morreram ao atacar guardas de fronteira israelenses (Foto: Ahmad Guarabli/AFP)


62
 
COMENTÁRIOS
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
RECENTES
POPULARES
  • Benaiah Leiehouah
    HÁ UMA HORA
    Palestinos contra Israel, nunca em Israel
    Conforme Termo de Uso, comentários com conteúdo inadequado e spam poderão ser removidos a critério da Globo.com.
    • Benaiah Leiehouah
      HÁ UMA HORA
      Am Israel Chai Viva Povo de Israel
      Conforme Termo de Uso, comentários com conteúdo inadequado e spam poderão ser removidos a critério da Globo.com.
      • Oseias Rosa
        HÁ UMA HORA
        Aí André Palesma, os terroristas do Hamas não aguentam mais apanhar mas querem mais.. veja agora o que Bibi falou ...A resposta do primeiro-ministro israelense, Benhamin Netanyahu, não demorou. "Se nos atacarem através dos túneis da Faixa de Gaza, responderemos com força contra o Hamas com uma força muito maior" do que a de 2014, ameaçou.
        • Oseias Rosa
          HÁ UMA HORA
          André palesma, vc de novo insultando judeus..acredita em promessas?? se não, comece a acreditar pois Israel vai possuir todas essas terras em conflito. Se é preciso ver pra crer então veja paleco..
          • André Palestino
            HÁ 10 HORAS
            Só morreu uma Ratazana. Os Palestinos tem que treinar mais a pontaria.
              • Joao Frantz
                HÁ 9 HORAS
                Não, morreu 3 ratos imundos.
                • André Palestino
                  HÁ 9 HORAS
                  O próximo será mais mortal. Morte aos malditos ratos judeus.
                  • Joao Frantz
                    HÁ 8 HORAS
                    Enquanto isto, o Hamas ta b pianinho hein? Perdeu o aliado falecido Mursi, ta cercado pelo Egito, cerco mais acirrado que o Israelense. Vida longa ao Abdul Fatah Al-Sisi, vida longa ao Rei Salman bin Abdulaziz Al Saud.
                    • Galdencio Pampas
                      HÁ 7 HORAS
                      o pastelixo bobalhão vai atrás do teu judeu bem calçado, vai afogar as tuas magoas chinelona tupiniquim de araque.
                      • Ramos Lima
                        HÁ 2 HORAS
                        Os palestinos perderam sua batalha, a anexação total já esta mais que madura. É só aguardar.
                    Mundo