domingo, 18 de dezembro de 2016

Três, quatro reeleições seriam ideais, podendo e merecendo. Contanto que ajude à orientação dos povos na dignidade e liberdade global. Retire o terror islâmico das Américas e terras européias amigas do sionismo, liberte África e Oriente Médio do domínio islamita, estabeleça pólos equilibrados da Rússia à América, controle os aiatolás iranianos, e outros riscos mundiais, reerga o capitalismo pleno, torne ilimitada a atuação sionista em benefício de povos do presente e do futuro.



Trump cogita reeleição em discurso de agradecimento a eleitores

'E em quatro anos, iremos vencer por ainda mais', disse o empresário nova-iorquino de 70 anos em uma arena de Hershey, acompanhado pelo vice.16/12/2016 09h30 - Atualizado em 16/12/2016 09h30

O presidente eleito dos Estados Unidos, que iniciará seu primeiro mandato na Casa Branca em 20 de janeiro, aventou a possibilidade de tentar a reeleição durante discurso para expressar sua gratidão aos eleitores de estados que foram cruciais para sua vitória em 8 de novembro.
'E em quatro anos, iremos vencer por ainda mais', disse o empresário nova-iorquino de 70 anos em uma arena de Hershey, na Pensilvânia, acompanhado pelo vice. (Foto: Matt Rourke/AP)

Donald Trump venceu a democrata Hillary Clinton na Pensilvânia por pouco mais de 44 mil votos, a primeira vez em que um candidato republicano venceu no estado desde 1988.

"E em quatro anos, iremos vencer por ainda mais", disse o empresário nova-iorquino de 70 anos em uma arena de Hershey, na Pensilvânia, acompanhado pelo vice-presidente eleito, Mike Pence.

A turnê de agradecimento de Trump continuará com um evento em Orlando, na Flórida, nesta sexta-feira, e deve terminar em Mobile, no Alabama, no sábado.

Durante o giro, Trump prometeu levar adiante algumas de suas promessas de campanha, como construir um muro na fronteira do sul do país com o México e suspender a imigração de países violentos como a Síria.

Em Hershey, ele observou que conquistou Ohio, mas que teria sido melhor se tivesse tido o apoio de seu governador republicano, John Kasich, que concorreu com Trump na primária presidencial do partido.





© Copyright 2000-2016 Globo Comunicação e Participações S.A.