domingo, 12 de fevereiro de 2017

O SIONISMO PROMOVE A SOBREVIVÊNCIA JUDAICA E ISRAELITA POR EXCELÊNCIA. O IRÃ, O FUNDAMENTALISMO ISLÂMICO, O TERRORISMO DE SUNITAS E XIITAS É CONTRA O SIONISMO POR SER CONTRA ISRAEL, JUDEUS E AMIGOS DOS JUDEUS. E VOCÊ? NÃO HÁ NEUTRALIDADE EM CERTAS SITUAÇÕES COMO VIVER OU MORRER. SE VOCÊ É CONTRA O SIONISMO VOCÊ É CONTRA A VIDA HUMANA POIS JUDEUS VIVEM COM OU SEM ESTADO E TAMBÉM SÃO CAÇADOS COM OU SEM ESTADO. NA PRÁTICA SÃO AS VIDAS HUMANAS MAIS INJUSTIÇADAS DO PLANETA MESMO QUANDO POSSUEM DINHEIRO E ARMAS. SE ELES APRENDEREM A SER BESTIAIS COMO OS PRINCIPAIS INIMIGOS DO SIONISMO SÃO, SERÃO IMPÉRIO EM TODOS OS SENTIDOS, PORÉM HOSTILIZANDO VIDAS. ISSO ELES NÃO QUEREM. E VOCÊ QUER SER PELA VIDA DE FATO OU SER CONTADO NAS GANGUES DE ANTI-SIONISTAS E ANTISSEMITAS?!


Obama aprovou mísseis iranianos para atingir Israel
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há 4 dias

Na sequência do post anterior: *Irão tem "permissão divina para destruir Israel"* *Obama concordou com mísseis iranianos que podem atingir Israel* *A a**nálise das declarações iranianas mostra que os EUA, sob Obama, permitiram ao Irão desenvolver mísseis que podem chegar até Israel.**De acordo com autoridades iranianas, a administração Obama deu o consentimento não-escrito nas negociações nucleares para o Irão desenvolver mísseis balísticos com uma faixa de apenas 2.000 km, capazes de atingir Israel, mas não a Europa, informou o MEMRI.*Na semana passada, o Irão realizou um teste fa... mais »

Irão tem "permissão divina para destruir Israel"
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há 5 dias

*Irão: Podemos bombardear Tel Aviv em 7 minutos * *Um alto funcionário iraniano ameaçou atacar Israel imediatamente se os EUA atacarem a República Islâmica.* Um membro sénior da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do Parlamento iraniano e ex-oficial da Guarda Revolucionária Islâmica (IRGC) alertou que Teerão preparou as suas forças para a guerra e alcançou *"grandes conquistas" *no seu programa de desenvolvimento de mísseis balísticos. *Se for atacado pelos EUA, o Irão imediatamente retaliará, disparando um míssil contra Tel Aviv, afirmou.* *"E são necessários *... mais »

NETANYAHU ENCONTRA-SE COM THERESA MAY
ShalomemSHALOM ISRAEL - Há 5 dias

Tendo o problema do Irão como tema principal do encontro, o primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu reuniu-se esta manhã em Londres com a primeira-ministra britânica Theresa May. Netanyahu apelou a novas sanções internacionais contra o Irão, agora que este país muçulmano alega ter um míssil capaz de atingir Tel Aviv nuns escassos 7 minutos. Ao que se sabe, a intenção da visita de Netanyahu era propôr à primeira-ministra britânica uma aliança anti-Irão composta por Israel, a Inglaterra e os EUA. *"Dou as boas vindas à insistência de Donald Trump para que hajam novas sanções ao... mais »

Walter Williams: "A esquerda empenha-se em baixar os seus padrões de comportamento"
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há 6 dias

*Trump está sob fogo, por defender o que Clinton defendia. Mas quando é a esquerda, está tudo bem. * Estas são imagens dos *"protestos" *na Universidade de Berkeley, em que os esquerdistas boicotaram o evento de *Milo Yiannopoulo*s, fazendo com que fosse cancelado. Esta é uma compilação imagens de violentos delinquentes e agitadores *anti-Trump*, espancando apoiantes de* Trump *de forma brutal, até os deixarem inconscientes. Repugnante. Os esquerdistas também atearam incêndios em edifícios, pulverizaram uma jovem apoiante de *Trump* com gás pimenta e rebentaram máquinas *ATM* po... mais »

Larousse de 1925 diz que a Palestina era um Estado judeu, com Jerusalém como sua capital
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há uma semana

*A definição de Palestina do Larousse em 1925:* *PALESTINA: Faz fronteira com a Síria, tem a Fenícia a norte, o Mar Morto a sul, o Mar Mediterrâneo a oeste, o deserto da Síria a leste, e é irrigada pelo Rio Jordão. É uma estreita faixa de terra, aconchegada entre o mar e o Líbano e percorrida pelo Rio Jordão, que desemboca no Mar Morto. É também é chamada nas Escrituras, Terra de Canaã, a Terra Prometida, e Judeia. * *Hoje é* [portanto, em 1925] *um Estado judeu sob o mandato da Inglaterra; 770.000 habitantes. Capital Jerusalém.* *Entre o início da Idade Média e até 1920, a Pales... mais »

Larousse de 1925 diz que a Palestina era um Estado judeu, com Jerusalém como sua capital
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há uma semana

*A definição de Palestina do Larousse em 1925:* *PALESTINA: Faz fronteira com a Síria, tem a Fenícia a norte, o Mar Morto a sul, o Mar Mediterrâneo a oeste, o deserto da Síria a leste, e é irrigada pelo Rio Jordão. É uma estreita faixa de terra, aconchegada entre o mar e o Líbano e percorrida pelo Rio Jordão, que desemboca no Mar Morto. É também é chamada nas Escrituras, Terra de Canaã, a Terra Prometida, e Judeia. * *Hoje é* [portanto, em 1925] *um Estado judeu sob o mandato da Inglaterra; 770.000 habitantes. Capital Jerusalém.* *Entre o início da Idade Média e até 1920, a Pale... mais »

"ISRAEL É O ÚNICO ESTADO LIVRE EM TODO O MÉDIO ORIENTE"
ShalomemSHALOM ISRAEL - Há uma semana

Segundo o relatório anual da *"Freedom House",* tanto as liberdades civis como as políticas estão sob ameaça no mundo inteiro, estando inclusivamente a retroceder nas democracias pioneiras. Segundo este relatório, Israel continua sendo o único país livre em todo o Médio Oriente, pontuando 80 numa escala de 100. Esta cotação é muito superior à de países da região considerados *"parcialmente* *livres",* como é o caso da Turquia (38), Jordânia (37), e Kuwait (36) e à de países *"não livres",* como é o caso do Iraque (27), Irão (17), Arábia Saudita (10), e a Síria (-1). Apesar de não ha... mais »

A VERDADE SOBRE OS ERRADAMENTE CHAMADOS "COLONATOS"
ShalomemSHALOM ISRAEL - Há uma semana

Podendo servir como motivo de conflitos, a verdade é que os aldeamentos - erradamente chamados de "colonatos" - não são um obstáculo real para a paz entre israelitas e palestinianos. Entre 1948 e 1967 não existiam quaisquer desses aldeamentos, mas mesmo assim a liderança palestiniana e o mundo árabe procurava a aniquilação de Israel. Como resultado da retumbante vitória de Israel na Guerra dos Seis Dias em Junho de 1967, Israel "ganhou" a Judeia e Samaria, a Faixa de Gaza, os Montes Golan e Jerusalém oriental. Menos de uma semana depois do término da guerra, o governo de unidade is... mais »