quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Trump tem o apoio de Yehowah Tseva'ot; Iehouah Dos Exércitos nesta decisão de não decidir por Israel e seus oponentes se são dois estados ou um pois não cabe a nenhuma liderança, exceto Iehouah Elohim, tomar decisões por Israel. Assim também ninguém pode tentar bloquear construções israelenses ou ainda a sobrevivência mundial judaica e israelita. Este é o tempo de trabalhar com tecnologia espacial intensa, construir e interceptar situações críticas globais.


TRUMP LAVA AS MÃOS DA SOLUÇÃO 2 ESTADOS
ShalomemSHALOM ISRAEL - Há 13 horas

Durante a conferência desta manhã em Washington com a presença de Donald Trump e Netanyahu, o presidente norte-americano descartou qualquer escolha, entregando a decisão nas mãos dos israelitas e seus inimigos, os palestinianos: *"Olho para dois estados e para um estado, e gosto do que ambas as partes gostarem."* Foi assim, à boa maneira de Pilatos, que Trump lavou as mãos de qualquer responsabilidade decisiva em matéria tão escaldante e até explosiva. Mostrou esperteza política, mas também hipocrisia em relação às expectativas criadas em grande parte da população israelita. Respon... mais »

'Lei Islâmica em Ação': Académico americano defende escravatura sexual no Islão
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há 15 horas

*«O professor Jonathan Brown, um muçulmano convertido do International Institute for Islamic Thought, uma organização ligada à Irmandade Muçulmana e que funciona dentro da (outrora católica) Universidade Georgetown, deu uma aula na qual ele fez afirmações que o levariam à demissão, se os tempos fossem outros. Ele defendeu a escravidão e o estupro, dentro da lei islâmica. A sua aula é um exemplo de como muçulmanos precisam distorcer a lógica e o bom-senso para justificar a "lei de Alá."»* Leia o artigo completo em: *EUA: professor universitário defende estupro e escravidão sob a Sh... mais »

Xeque muçulmano de Hebron envia 'mensagem de paz dos judeus'
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há 17 horas

*O xeque muçulmano de Hebron enviou uma mensagem de paz dos judeus* *"Eu envio uma mensagem de paz*", disse o *Xeque Farid al-Jabari*, do sul de Hebron, ao porta-voz da comunidade judaica de Hebron. *Noam Arnon*, porta-voz da comunidade judaica de Hebron, reuniu-se com o* Xeque Farid al-Jabari*, no sul de Hebron, para discutir as relações entre judeus e árabes e as perspectivas de paz. O xeque, promotor da paz entre judeus e árabes, estendeu uma *"mensagem de paz, na qual espero que todos vivamos aqui juntos nesta terra, que é a terra da paz"*. De acordo com *al-Jabari*, os anarq... mais »

Linchamento mediático de Fillon. Saiba PORQUÊ?
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há 21 horas

*Enquanto uma certa esquerda (os velhos hippies cuja formação política foi forjada pelo LSD, e os novos justiceiros sociais/meninos bem) tentam a todo o custo provocar uma guerra civil nos Estados Unidos, na Europa os poderes movem-se para impedir que o fenómeno Trump se repita por cá.* *Apesar da fraude eleitoral em massa (ver post anterior), Trump ganhou nos Estados Unidos. Por isso, na Europa, tratam já de partir as pernas a certos candidatos inconvenientes.* *Noutro dia correu os telejornais a "notícia" de que François Fillon, actualmente em campanha eleitoral para as preside... mais »

102 MEMBROS DA "TRIBO PERDIDA" BNEI MANASSÉS" REGRESSAM A ISRAEL APÓS 2.700 ANOS DE EXÍLIO
ShalomemSHALOM ISRAEL - Há um dia

Cento e dois membros da tribo "perdida" *Bnei Manassés* estarão chegando a Israel durante esta semana, constituindo o maior grupo dos assim-chamados *"judeus perdidos"* a fazerem retorno *(aliyah)* para Israel. Os membros desta comunidade residente na Índia alegam descender de judeus expulsos de Israel para a Índia no 8º século a.C. O retorno destes judeus está sendo organizado pela *"Shavei Israel"*, uma organização filantrópica sediada em Jerusalém e que se auto-denomina como *"a única organização judaica que está actualmente a alcançar os 'judeus perdidos', num esforço para facil... mais »

14% dos eleitores de Hillary foram ESTRANGEIROS ou FALECIDOS
Oliveira da FigueiraemAmigo de Israel - Há um dia

*Na nossa secção TRUMP, mostrámos os vídeos, feitos no dia das eleições, de cidadãos norte-americanos que votavam Trump e a maquinazinha do nazi Georges "O Flagelo das Nações" Soros contava o voto como tendo sido em Hillary. Os vídeos foram retirados pelos ISLAMOFASCISTAS do Google/YouTube, como sempre. Mas há outras provas. * *Falsificação de eleições: A Casa Branca revela que 14% dos eleitores de Hillary Clinton eram estrangeiros ou mortos* *O assessor do 45º presidente dos Estados Unidos, Stephen Miller, disse ter uma quantidade de evidências de fraude na eleição presidencial... mais »