sexta-feira, 30 de junho de 2017

O objetivo declarado desses planos é modernizar a capital, tornando mais fácil aos residentes e turistas o acesso, já que o tráfego de automóveis na Cidade Antiga se tornaria impossível. “Precisamos estabelecer um transporte de ônibus expresso até o Monte do Templo, vindos de todas as partes do país”, ressalta Hayman. “As linhas de ônibus terão paradas especiais, permitindo que as pessoas cheguem rapidamente até o Monte do Templo, façam suas orações e voltem para casa”. Esse é um dos passos mais importantes para facilitar o acesso ao local do Terceiro Templo desde que o Estado Moderno de Israel foi criado, em 1948. “O que estamos vendo é uma preparação para ajudar os judeus a subirem ao Monte do Templo”, disse Hayman. “Quando o Templo for construído, as mudanças serão ainda maiores”. Com informações Breaking Israel News e Times of Israel

Governo de Israel facilitará o acesso de milhões ao local do Terceiro Templo

Linha de trem e teleférico serão finalizados nos próximos anos


Israel facilitará o acesso de milhões ao local do Terceiro Templo
O Terceiro Templo exigirá uma infraestrutura enorme, que possa facilitar o transporte de milhões de pessoas até Jerusalém durante e após as três festas bíblicas que exigem esse deslocamento. Embora ele ainda não tenha data para ser construído, o governo de Israel fará grandes investimentos para facilitar o acesso ao local.
O ministro dos Transportes, Yisroel Katz, declarou publicamente essa intenção ao autorizar a construção do trem rápido que ligará o aeroporto de Tel Aviv a Jerusalém. Ele deverá ser inaugurado em meados de 2018.
Em uma reunião com representantes do Movimento do Templo em fevereiro, o ministro explicou: “Sendo descendente dos Cohen (linha sacerdotal judaica) eu tenho uma conexão especial com esse local sagrado. Diante dos meus olhos, vejo constantemente as palavras ‘Prepare o caminho, prepare o caminho…’”.

  Professor ensina a cantar afinado em 61 dias


Katz conta que há um projeto para que essa nova linha de trem tenha como parada final um espaço ao lado do Muro das Lamentações. Ela se chamará “Kotel / Har Habayit” (Muro Ocidental/Monte do Templo).
Trem até Jerusalém
Construção do trem expresso Jerusalém-Tel Aviv, visto fora de Jerusalém (Hadas Parush / Flash90)
Yaakov Hayman, presidente da organização Amigos do Templo, observou que o envolvimento do Ministério dos Transportes era um passo muito importante.
“Esperamos que milhões de judeus venham ao Monte do Templo mesmo antes do templo ser construído, portanto o transporte fácil é uma necessidade especial”, explicou Hayman ao site Breaking Israel News. “Precisamos abrir mais acessos ao Monte do Templo, já que atualmente há apenas uma entrada disponível”.
Esse também é o pensamento do prefeito de Jerusalém, Nir Barkat, que anunciou recentemente a construção de um sistema de teleférico que será capaz de transportar milhares de pessoas até o Monte do Templo. Os ministros do governo israelense recentemente aprovaram o início da construção em uma cerimônia simbólica, realizada dentro dos túneis no subterrâneo do Muro das Lamentações.
O objetivo declarado desses planos é modernizar a capital, tornando mais fácil aos residentes e turistas o acesso, já que o tráfego de automóveis na Cidade Antiga se tornaria impossível.
“Precisamos estabelecer um transporte de ônibus expresso até o Monte do Templo, vindos de todas as partes do país”, ressalta Hayman. “As linhas de ônibus terão paradas especiais, permitindo que as pessoas cheguem rapidamente até o Monte do Templo, façam suas orações e voltem para casa”.
Esse é um dos passos mais importantes para facilitar o acesso ao local do Terceiro Templo desde que o Estado Moderno de Israel foi criado, em 1948.
“O que estamos vendo é uma preparação para ajudar os judeus a subirem ao Monte do Templo”, disse Hayman. “Quando o Templo for construído, as mudanças serão ainda maiores”. Com informações Breaking Israel News e Times of Israel